Quinta-feira, 14 de  dezembro de 2017

Aprovado por unanimidade projeto de Meneguzzi que regulamenta a Semana da Fotografia

Imprimir
Escrito por Daniela de Miranda  |  Categoria: Coluna Socialista
 |  Acessos: 19

O plenário da Câmara aprovou, por unanimidade, na sessão desta quinta-feira, 30 de novembro, o Projeto de Lei 123/2017. De autoria do vereador Alberto Meneguzzi (PSB), a matéria regulamenta a Semana Municipal da Fotografia, a ser realizada anualmente, na segunda quinzena de agosto. A demanda foi apresentada pelas lideranças do segmento, tendo em vista que em 2017 foi realizada a 10ª edição do evento, que não contava com qualquer aporte legal. O objetivo da iniciativa é valorizar os profissionais do mercado fotográfico de Caxias do Sul.

 

 “Fotografia é história, cultura e educação e precisa ser valorizada. Por iniciativa do Clube do Fotógrafo, da Sala de Fotografia, e de outras instituições, com o apoio e parceria da Secretaria da Cultura, a Semana Municipal da Fotografia foi iniciada em 2008. O evento acontece, porque tem gente que se dispõe a trabalhar por ele, mas precisamos oficializar ele, ainda mais com esse desmonte da área cultural”, justifica Meneguzzi.

 O projeto caxiense foi inspirado na legislação vigente em municípios como Curitiba e Balneário Camboriú, e visa a realização do evento na semana próxima ao dia 19 de agosto, quando se comemora o Dia Mundial da Fotografia. Na programação, descatam-se palestras, oficinas ao ar livre, workshops, exposições, dentre outras ações, sendo a maioria com acesso gratuito à população.

 Durante a votação, as fotógrafas Liliane Giordano e Sabrina Didoné representaram as lideranças do mercado fotográfico caxiense. Além de expandir as fronteiras desse segmento cultural na cidade, a Semana da Fotografia também faz uma reflexão do passado da arte em Caxias do Sul, ao relembrar e homenagear importantes nomes de fotógrafos caxienses, como Domingos Mancuso, Walter Brugger, Joel Jordani, Mauro de Blanco e Ulysses Geremia.

 “Nos próximos dias, ele já deverá ir à sanção do prefeito Daniel Guerra (PRB). Acredito que ele não terá problemas junto ao Executivo, até porque regulamenta algo que já existe e dá a certeza de que Caxias quer e precisa construir uma cultura cada vez mais próxima e acessível das pessoas. Caso seja vetado, aí fica provado que o município não quer investir na cultura dos cidadãos”, comenta o parlamentar.

 

Felipe Michelon Padilha

Assessor Político do vereador Alberto Meneguzzi

Mais artigos da Coluna Socialista

Produção, desenvolvimento e manutenção: