Domingo, 24 de  setembro de 2017

PSB/RS reafirma unidade visando as eleições de 2018

Imprimir
Escrito por Assessoria  |  Categoria: Blog
 |  Acessos: 287

"O desafio do PSB em todo o país é continuar trabalhando para a redução das desigualdades sociais, investindo na formulação de políticas publicas que atendam aos interesses daqueles que mais precisam". A avaliação é do presidente nacional do Partido Socialista Brasileiro, Carlos Siqueira, que adiantou os próximos desafios da sigla, com destaque para as eleições de 2018, durante a abertura política do Congresso do PSB/RS, ocorrido na manhâ de sábado (02/09), em Porto Alegre.

O dirigente nacional defendeu, ainda, a unidade política e ideológica do partido no Estado, independente do resultado da eleição partidária.

Na atividade, que reuniu cerca de 700 delegados de todo o Estado, elegeu o novo diretório para a gestão 2017-2020, bem como a definição dos quatros delegados gaúchos que votarão no Congresso nacional da sigla, a ser realizado entre os dias 12 e 14 e outubro, em Brasília. Os socialistas também elegeram os secretários dos movimentos organizados da sigla: Mulheres, Juventude, Negritude, Movimento Popular, Sindical e LGBT.

O presidente do PSB/RS e vice-presidente nacional da sigla, Beto Albuquerque, enalteceu as presenças, destacando que uma das tarefas do Congresso é preparar as siglas para as tarefas do próximo período, com destaque para as eleições de 2018. "Aqui não existem dois partidos. Somos todos PSB", sintetizou. O socialista também apresentou prestação de contas da gestão 2014-2017, agradecendo a todos os integrantes do diretório e da executiva pelo trabalho realizado.

O deputado federal Jose Stédile igualmente defendeu a unidade do PSB após a realização do Congresso, além de defender a candidatura própria da sigla à presidência da Republica.

O PSB foi o partido que mais cresceu nas eleições municipais de 2016, fruto do trabalho coletivo, com candidatos a prefeito, vice-prefeitos e vereadores em todo o Estado. O reconhecimento foi feito pelo deputado federal Heitor Schuch. O parlamentar também reafirmou o posicionamento da bancada do PSB/RS em contrariedade às reformas propostas pelo presidente Michel Temer.

Líder do PSB na Assembleia Legislativa, o deputado Elton Weber destacou que o Congresso ilustra a força do PSB e o comprometimento da sigla com o futuro do Estado e do país. Na mesma linha, o deputado Catarina Paladini, líder da Bancada Socialista, enalteceu o ato como sinônimo da representatividade do PSB em todo o Estado. "Temos 58 mil filiados e este é um momento fundamental para debatermos o futuro do PSB, nossos rumos e decisões", disse.

Vice-prefeita de Livramento e dirigente nacional da sigla, Mari Machado salientou o papel das mulheres para a consolidação do PSB como alternativa eleitoral viável e competitiva em todo o país. "Seguiremos honrando o legado e a história do PSB e de nossos líderes como Eduardo Campos. Queremos candidatura própria à presidência da Republica em 2018".

Secretaria nacional de mulheres, Dora Pires, destacou a importância dos segmentos organizados para a consolidação dos projetos partidários. "Faço uma homenagem ao presidente Beto, que é um homem que impulsiona os segmentos, permitindo que o PSB vibre e cresça a partir de nossas bases", disse, defendendo também a reeleição de Carlos Siqueira à presidência nacional da sigla. Otávio Oliveira, secretário nacional do movimento LGBT, destacou que a disputa nem sempre é sinônimo de "separatismo", mas sim, de afirmação, crescimento e consolidação partidária.  Nossos adversários estão lá fora, como as reformas do governo Temer, exemplificou Tony Sechi. O secretário nacional da Juventude Socialista salientou também a lealdade de Beto ã historia do PSB, ilustrado pelo desafio de assumir a vaga na chapa majoritária em 2014, como candidato a vice-presidente na chapa de Marina Silva, após a morte de Eduardo Campos.

Representando os prefeitos e prefeitas socialistas, Fábia Richter, defendeu que o processo eleitoral democrático possa fortalecer a sigla, "com maturidade", preparando o PSB para os próximos desafios. A prefeita de Cristal elencou a ampliação das bancadas na Assembleia Legislativa e na Câmara dos Deputados como objetivo principal para o próximo período.  

A deputada Liziane Bayer, vice-presidente da Assembleia Legislativa, também prestigiou a atividade, bem como os secretários estaduais do Desenvolvimento Rural, Tarcisio Minetto, e de Obras, Saneamento e Habitaçao, Fabiano Pereira.

EM PAUTA NA MÍDIA

Mais notícias da Pauta Socialista

MOVIMENTOS SOCIALISTAS

Produção, desenvolvimento e manutenção: