Quinta-feira, 21 de  setembro de 2017

Catarina Paladini destaca os 16 anos de atuação da UERGS e socialistas reafirmam compromissos com a educação

Imprimir
Escrito por Assessoria PSB/RS  |  Categoria: Blog
 |  Acessos: 101

A Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS), que tem na sua origem o Partido Socialista Brasileiro, através da atuação do ex-deputado federal Beto Albuquerque, foi homenageada pelos seus 16 anos em Grande Expediente proposto pelo deputado Catarina Paladini (PSB/RS). Promovida na Assembleia Legislativa, nessa quinta-feira (13), a atividade serviu também para reafirmar os compromissos históricos da sigla na defesa da educação. A unidade de ensino, que ocupa o terceiro melhor conceito em graduação das universidades gaúchas, surgiu para promover o desenvolvimento regional sustentável através de cursos diferenciados aos oferecidos pelas demais instituições de ensino superior. 

Para o presidente do PSB/RS e vice-presidente nacional da sigla, Beto Albuquerque, a Universidade é um instrumento de capacitação visando o desenvolvimento do Estado, na medida em que proporciona a formação de cientistas, pesquisadores, mestres e doutores. “Em 2001, comemorei com o povo gaúcho a criação da UERGS. Ela foi criada por decisão popular de milhares de gaúchos com o objetivo de ampliar o acesso ao ensino público conforme as vocações produtivas de cada região”, reiterou Beto ao parabenizar o deputado Catarina pela justa homenagem à instituição.  “Quando idealizei a ideia da criação da UERGS, uma universidade estadual gratuita, sonhava com o dia em que veria nossa sociedade comemorando os frutos gerados pela iniciativa. E hoje foi um destes dias”, completou. “É por obras como esta que sigo minha luta na vida política, porque acredito que podemos fazer a diferença na vida das pessoas. Vida longa para a nossa UERGS!”, finalizou.

Da tribuna, o deputado estadual Catarina Paladini registrou o início da construção do projeto pela subcomissão da Assembleia que avaliou a viabilidade de criação e implantação da UERGS. Em 2011, no seu primeiro mandato, Catarina Paladini presidiu comissão especial que acompanhou a situação da universidade nas sete regiões onde está sediada. “A origem da UERGS, na sua base, tem o Partido Socialista Brasileiro, através da atuação do nosso líder Beto Albuquerque que, em 1986, já lutava pela criação da Universidade Estadual, quando era presidente do Diretório Central dos Estudantes da Universidade de Passo Fundo”, recordou. E continuou: “Em 2001, o PSB viu sua luta de décadas se concretizar com a sanção da Lei 11.646, pelo então governador do Estado Olívio Dutra, que institui a Universidade Estadual do Rio Grande do Sul”.

A UERGS tem registrados cinco mil alunos, um crescimento de 100% nos últimos cinco anos. Conforme Paladini, a Universidade cumpre papel idêntico ao de grandes instituições de ensino do Brasil que oferecem cursos adequados às necessidades regionais. “Isso significa que a matriz econômica-produtiva vai sendo qualificada e o Estado ganhará em resultados econômicos”, disse, destacando, ainda, o papel social e institucional da UERGS. Com 24 unidades, Universidade Estadual do Rio Grande do Sul possui cursos de graduação e pós-graduação nas áreas de Ciências Humanas, Ciências da Vida e do Meio Ambiente, e Ciências Exatas e Engenharias. 

Saiba mais

Entre as principais propostas defendidas pelo PSB na atualidade para o setor, destacam-se a educação de tempo integral, a participação da comunidade, a busca pelo analfabetismo zero e a qualificação constante de docentes e gestores. 

 

Fotos: Fernando Müller

EM PAUTA NA MÍDIA

Mais notícias da Pauta Socialista

MOVIMENTOS SOCIALISTAS

Produção, desenvolvimento e manutenção: